Folhablu | Conservação do travesseiro é essencial para garantir a qualidade do sono


Conservação do travesseiro é essencial para garantir a qualidade do sono

Publicado em: 2018-06-11 09:57:33

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira do Sono mostra que 73 milhões de pessoas no país têm dificuldades para dormir. A qualidade na hora do descanso envolve diferentes fatores internos e externos como barulhos, problemas de saúde, frio ou calor em excesso, entre outros. E um item fundamental para ajudar a driblar essas questões e conquistar uma noite tranquila é o travesseiro. Com variações de tamanho, densidade, matéria-prima e diversas outras configurações, o item exige uma atenção especial na hora da escolha.

 

Patrícia Higino, coordenadora da área de desenvolvimento de produto da Altenburg, maior fabricante do item no Brasil, explica que existem produtos específicos para quem dorme de lado, de costas ou de bruços. Além disso, há cuidados básicos que não podem ser deixados de lado e que garantem a qualidade das propriedades do travesseiro. Ela lista algumas dicas de conservação

 

  • Evite a exposição a altas temperaturas: várias pessoas acham que colocar a peça no sol é uma boa forma de mantê-lo limpo. “Esse é um dos maiores erros das pessoas, pois o aquecimento faz com que os ácaros se proliferem e isso prejudica, principalmente, quem tem problemas respiratórios”, explica. A dica é arejar o travesseiro sempre à sombra.

  • Não durma de cabelo molhado: além do sol, a umidade também colabora na propagação de bactérias. “Quem toma banho e não seca o cabelo antes de dormir está prejudicando não só a própria saúde, como também a qualidade do travesseiro”, diz.

  • Troque o produto periodicamente: segundo o especialista, a substituição deve ser feita pelo menos a cada 24 meses, podendo ser antes, conforme o estado do item. “Um dos principais sinais de que chegou o momento de trocá-lo é quando ele começa a ficar amarelado. Isso significa que as bactérias tomaram conta do travesseiro. Além disso, depois de um tempo ele perde as características de sustentação e após dois anos de uso 25% do peso do produto é composto por ácaros e seus dejetos”, afirma. É comum as pessoas esquecerem a data da compra. Por isso, no site da Altenburg é possível fazer um cadastro do produto e um e-mail é enviado para o cliente lembrando quando for a hora de adquirir um novo.

  • Siga as instruções do fabricante: é fundamental prestar atenção ao fazer a manutenção. “É preciso entender que as manchas no travesseiro acontecem por conta dos ácaros e não são necessariamente sujeira. A etiqueta do produto deve ser a melhor amiga do consumidor. Nela constam todas as instruções necessárias para conservação do item que normalmente não deve ser lavado, apenas se o fabricante indicar”, complementa.

 

No caso dos produtos da Altenburg, por exemplo, os travesseiros de fibra de poliéster podem ser lavados em máquina, desde que possam secar completamente. Já os itens em viscoelástico e látex não devem ser lavados.

 

Uma sugestão de Patrícia é a utilização de protetores de travesseiros. Eles reduzem a transferência de umidade e sujeira e podem ser lavados. “Com ele a necessidade de manutenção na peça diminui e a durabilidade aumenta”, afirma.

 

A Altenburg possui uma linha de travesseiros tecnológicos com características diferenciadas para quem busca melhorar a relação com o sono. O Thermosense tem efeito fresco e regulação térmica através da matéria-prima, o Tencel. O Antistress, possui fios de carbono que agem na condução da energia eletrostática que o corpo acumula durante o dia, além de ação antimicrobiana. O Ultraconfort, produzido com fibra artificial sustentável extraída da madeira, o Tencel, tem como principal característica a maciez e o conforto. Por fim, criado especialmente para quem transpira muito à noite, o Airflow. Desenvolvido com trama em 3D, ele permite maior ventilação com rápida evaporação

 

 

Veja a galeria de fotos

Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 99210 7635
Redação Brasil: webmaster@folhablu.com.br | Redação Santa Catarina: blumenau@folhablu.com.br | Comercial: comercial@folhablu.com.br | Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: folhablu | WhatsApp: (47) 99210 7635
Blumenau - SC
Todos os direitos reservados