Folhablu | Tudo o que você precisa saber sobre o ransomware WannaCry


Tudo o que você precisa saber sobre o ransomware WannaCry

Publicado em: 2017-05-21 05:18:09

Em 12 de maio, uma nova forma do Ransom.CryptXXX (o WannaCry), um tipo de ransomware começou a se espalhar amplamente, impactando um grande número de organizações, principalmente na Europa.

 

O WannaCry criptografa arquivos de dados e pede aos usuários que paguem um resgate de 300 dólares em bitcoins. O bilhete de resgate indica que o valor do pagamento será duplicado após três dias. Se o pagamento não for feito após sete dias, os arquivos criptografados serão excluídos.

 

Ele também manda um arquivo chamado !Por Favor, Leia!.txt, que contém um texto explicando o que aconteceu e como pagar o resgate.

 

O WannaCry criptografa arquivos com as seguintes extensões, acrescentando .WCRY ao final do nome do arquivo:

 

  • .lay6

  • .sqlite3

  • .sqlitedb

  • .accdb

  • .java

  • .class

  • .mpeg

  • .djvu

  • .tiff

  • .backup

  • .vmdk

  • .sldm

  • .sldx

  • .potm

  • .potx

  • .ppam

  • .ppsx

  • .ppsm

  • .pptm

  • .xltm

  • .xltx

  • .xlsb

  • .xlsm

  • .dotx

  • .dotm

  • .docm

  • .docb

  • .jpeg

  • .onetoc2

  • .vsdx

  • .pptx

  • .xlsx

  • .docx

 

Ele se propaga para outros computadores explorando uma vulnerabilidade conhecida como execução remota de código SMBv2 em computadores com Microsoft Windows: MS17-010.

 

Os clientes da Symantec e da Norton estão protegidos contra o WannaCry por uma combinação de tecnologias.

 

As organizações também devem garantir que elas tenham as mais recentes atualizações de segurança do Windows instaladas, principalmente MS17-010 para evitar a propagação.

 

Várias organizações em todo o mundo foram afetadas, a maioria delas na Europa. Dessa vez não é um ataque direcionado. Campanhas de ransomware são tipicamente indiscriminadas.

 

O WannaCry tem a capacidade de se espalhar dentro das redes corporativas, sem interação do usuário, explorando uma vulnerabilidade conhecida no Microsoft Windows. Os computadores que não têm as atualizações de segurança mais recentes do Windows aplicadas correm o risco de serem infectados.

 

A descriptografia não está disponível neste momento, mas a Symantec está investigando. A Symantec não recomenda que pague o resgate. Arquivos criptografados devem ser restaurados a partir de backups, sempre que possível.

 

Novas variantes de ransomware aparecem em uma base regular. Mantenha sempre o seu software de segurança atualizado para se proteger contra eles. Mantenha seu sistema operacional e outros softwares atualizados. As atualizações de software frequentemente incluirão patches para vulnerabilidades de segurança recentemente descobertas que podem ser exploradas por hackers de ransomware. O e-mail é um dos principais métodos de infecção. Desconfie de e-mails inesperados, especialmente se eles contêm links e/ou anexos. Desconfie de qualquer anexo de e-mail do Microsoft Office que aconselhe a habilitar macros para exibir seu conteúdo. A menos que você esteja absolutamente certo de que este é um e-mail genuíno de uma fonte confiável, não habilite macros e, em vez disso, exclua imediatamente o e-mail. Fazer backup de dados importantes é a maneira mais eficaz de combater a infecção pelo ransomware. Os hackers têm vantagem sobre suas vítimas, criptografando arquivos valiosos e deixando-os inacessíveis. Se a vítima tem cópias de segurança, pode restaurar seus arquivos depois que a infecção tiver sido eliminada. No entanto, as organizações devem garantir que os backups sejam adequadamente protegidos ou armazenados offline para que os invasores não possam excluí-los. O uso de serviços em nuvem pode ajudar a mitigar a infecção por ransomware, já que muitos mantêm versões anteriores de arquivos, permitindo que você “reverta” para o formulário não criptografado.

 

Veja a galeria de fotos

Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial