Folhablu | Bolsonaro e Haddad vão ao segundo turno


Bolsonaro e Haddad vão ao segundo turno

Publicado em: 2018-10-08 02:54:08

A apuração dos votos da eleição presidencial deste domingo, dia 7, está praticamente finalizada. Com 99,99% dos votos apurados, Jair Bolsonaro, do PSL, tem 46,03%, com 49.275.002 votos. Fernando Haddad, candidato do PT, vem em segundo com 29,28%, ou 31.339.688 votos. Em terceiro lugar, aparece o nome de Ciro Gomes, do PST, com 12,47%. Com o resultado, Jair Bolsonaro e Fernando Haddad disputarão o segundo turno das eleições no dia 28.

 

As três primeiras posições não apresentaram qualquer surpresa em relação às pesquisas eleitorais. Entretanto, do quarto colocado em diante, alguns números foram surpreendentes. Quarto nome mais lembrado para o cargo de presidente, Geraldo Alckmin, do PSDB, obteve uma votação discreta para quem tinha o maior tempo de exposição na tevê, com a maior coligação da campanha eleitoral. O tucano ficou bem abaixo da expectativa das pesquisas eleitorais, com apenas 4,76% dos votos.

 

Se Alckmin decepcionou, o mesmo não se pode dizer do quinto colocado. Mesmo com exposição perto de zero, sem tempo de tevê e sem qualquer participação nos debates eleitorais, João Amoêdo, do Novo, conquistou 2,5% do eleitorado. Figura folclórica desta eleição, Cabo Daciolo, do Patriota, deixou para trás nomes de peso e chegou em sexto lugar, com 1,26% dos votos. Os 1.348.314 votos de Daciolo o colocaram na frente de campanhas bem mais caras e nomes extremamente mais conhecidos da política brasileira.

 

O sétimo colocado foi o candidato do MDB, Henrique Meirelles, com 1,2% dos votos. Marina Silva, da Rede, em queda livre desde a confirmação do nome de Haddad como candidato do PT, aparece apenas como o oitavo nome mais lembrado, com singelos 1% dos votos. Álvaro Dias, do Podemos, alcançou apenas 0,8% dos votos. Guilherme Boulos, do PSol, foi lembrado por 0,58% do eleitorado, seguido de Vera, do PSTU, com 0,05%; Eymael, do DC, com 0,04%; e João Goulart Filho, do PPL, com 0,03%.

 

A abstenção ficou na casa dos 20%, com cerca de 30 milhões de pessoas abdicando do direito de escolher o próximo presidente da República. Outros 10 milhões de eleitores preferiram votar em branco ou simplesmente anular seu voto. O percentual de votos em branco foi de 2,65% e de votos nulos foi de 6,14%.

 

O segundo turno das eleições presidenciais, com a disputa entre Jair Bolsonaro, do PSL, e Fernando Haddad, do PT, ocorrerá no próximo dia 28.

 

Por Fábio Souza

 

 


Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 99210 7635
Redação Brasil: webmaster@folhablu.com.br | Redação Santa Catarina: blumenau@folhablu.com.br | Comercial: comercial@folhablu.com.br | Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: folhablu | WhatsApp: (47) 99210 7635
Blumenau - SC
Todos os direitos reservados