Folhablu | Dos cerca de R$ 9 bilhões recebidos pelo estado, Blumenau abocanhou R$ 285 milhões do governo federal em 2016


Dos cerca de R$ 9 bilhões recebidos pelo estado, Blumenau abocanhou R$ 285 milhões do governo federal em 2016

Publicado em: 2017-02-18 10:37:11

Ao longo do ano de 2016, o governo federal transferiu cerca de R$ 9,3 bilhões para o estado de Santa Catarina, Deste montante, R$ 2,6 bilhões foram diretamente para os cofres do governo do estado. Os cerca de R$ 6,6 bilhões restantes foram destinados aos municípios. Blumenau recebeu do governo federal R$ 285,7 milhões em 2016. A cidade ficou atrás de Florianópolis, que recebeu cerca de R$ 291 milhões, e de Joinville, que teve transferidos aos seus cofres em 2016 pouco mais de 318 milhões. Os valores recebidos pelas três principais cidades catarinenses estão bem distantes do recebido pela pequena Cunhataí, que embolsou cerca de R$ 6,8 milhões ao longo do ano passado e teve o menor volume de transferências do estado.

 

Em Blumenau, a ação governamental com maior volume de recursos transferidos foi a "atenção para a saúde da população para procedimentos em média e alta complexidade", segundo informações do Potal da Transparência do governo federal. Mais de R$ 134 milhões foram destinados para este fim. Outros R$ 51 milhões foram transferidos por conta do Fundo de Participação do Município. A ação com menor recurso transferido pelo governo federal foi "avaliação e operacionalização do Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social (BPC) e manutenção da Renda Mensal Vitalícia (RMV), com meros R$ 2 mil. Este valor é destinado ao Fundo Municipal de Assistência Social.

 

O que é possível fazer com o recurso destinado ao fundo de assistência social, nem mesmo o Portal da Transparência é capaz de revelar.

 

Por Fábio Souza

 


Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial