Folhablu | Tiranos da democracia


Tiranos da democracia

Publicado em: 2017-07-31 08:48:28

Uma das principais características da democracia, se não a maior delas, é a soberania do povo, quando os cidadãos elegem seus dirigentes, seja o presidente da República ou o presidente da associação de bairro. A nenhum dos dois, e a nenhum outro, é dado o direito de governar de costas para o cidadão.

 

 

A principal característica de um ditador está aí. Governar de costas para o povo. Um ditador não respeita a democracia. Trabalha de acordo com suas vontades ou as de seu grupo. E engana-se quem imagina que um ditador assuma o poder apenas através de golpes ou revoluções. Ele pode muito bem chegar ao poder pela porta da frente. Se beneficiando do processo democrático quando isso lhe convém.

 

Assim nasce um tirano. Ele tem boas intenções na maioria das vezes, mas deslumbra-se com o poder que lhe é dado e, com isso, passa a acreditar que sabe melhor que ninguém o que é bom para aqueles que o elegeram, mais até que os mesmos. Governa de costas para o povo. Fecha seus ouvidos para os anseios do cidadão. Acredita estar acima das críticas. Assim se embriagam de poder nossos tiranos, sejam eles presidentes da República ou de associações de bairro, usurpando o poder soberano do povo.

 

Pobre daquele que se deslumbra com o poder. Chegará ao fim sem mais nada. Sem o respeito daqueles que estiveram ao seu lado, nem o apoio de seu povo. Seu poder não será mais que um quadro empoeirado nas paredes de suas lembranças. Esquecido, terá lugar de honra apenas nos porões da história.

 

Pronto. Falei.

 

Por Fábio Souza

 


Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial