Folhablu | Unisul e empresariado araranguaense reafirmam compromisso com a região


Unisul e empresariado araranguaense reafirmam compromisso com a região

Publicado em: 2017-03-13 14:56:41

Proposto pelo empresariado araranguaense, na quinta-feira, dia 9, a Unisul participou de uma reunião com a Associação Empresarial de Araranguá e do Extremo Sul Catarinense (Aciva). Estiveram presentes, além de representantes da comunidade e empresários, o reitor Mauri Luiz Heerdt e integrantes da reitoria. O convite feito pela Aciva tende a aproximar ainda mais a universidade da comunidade araranguaense, e o encontro reafirma e potencializa a presença da Unisul na região. A unidade foi o primeiro braço da Unisul fora de Tubarão, desde 1992, o que refletiu na própria configuração da cidade, levando contribuições que perduram na formação e materialização de lideranças, no desenvolvimento local e na criação de um elo afetivo.

 

O discurso do reitor Mauri Heerdt enfatizou a inovação, elemento crucial que perpassa a atualidade não só das universidades, mas da vida em sociedade como um todo. Ele destacou que o modelo de ensino, pesquisa e extensão está passando e hoje a grande missão das universidades é a inovação, um antever de necessidades que talvez exija até a criação de profissões que ainda não existam. Para isso, o compromisso firmado pelo empresariado araranguaense, em conjunto com a Unisul, será o precursor de uma nova visão, uma vanguarda educacional que tende a, desde o primeiro encontro, desenvolver e potencializar um portfólio vocacionado. “A melhor pesquisa é feita por aqueles que sentem o dia a dia. Para que a educação não seja apenas a construção, mas que seja bom para a cidade, de modo que a universidade e a cidade se confundam”, enfatiza o reitor.

 

O compromisso firmado será possível pela união da tríade: comunidade, universidade e empresariado. Com isso, o conceito de inovação integrará os três pilares e trará o desenvolvimento ao local onde a universidade está. De acordo com o presidente da Aciva, Beto Rizzotto, a parceria permitirá que os passos sejam dados por ambas as partes, diálogo que tende a potencializar a região. A Unisul apoiará com a diversificação e capacitação do conhecimento e as entidades empresariais com o direcionamento alinhado junto ao meio social regional, de forma que se evidencie qual a identidade do estudante araranguaense.

 

A conclusão de uma graduação começa muito antes da presença da universidade. O sonho projetado pode ser construído ainda na formação inicial. Muitas vezes uma pergunta tão singela quanto "o que você vai ser quando crescer?" pode direcionar toda uma sociedade se a busca pela resposta for conscientizar o futuro cidadão desde cedo. “Com certeza, faremos um planejamento para poder desenvolver nos alunos da rede pública esta conscientização e assim mostrar que a nossa cidade tem a capacidade de graduar ótimos profissionais”, enfatiza a secretária de Educação, Cultura e Esportes de Araranguá, Ariane Almeida.

 

Uma das preocupações que moveu o convite realizado pela Aciva para que o diálogo com a Unisul fosse aberto diz respeito à preocupação com os jovens que arriscam as próprias vidas diariamente nas estradas para alcançar um curso ao qual possuem vocação, mas que só é ofertado em outras cidades. A exemplo das engenharias oferecidas pela Unisul de Tubarão. “A aproximação das entidades com a universidade, justamente, tenciona trazer benefícios para a comunidade, quem sabe até vir a tornar a cidade um polo universitário. Condições que a Unisul tem a oferecer”, conclui o presidente da Aciva, Beto Rizzotto.

 

Por conta da locação de parte do prédio da Unisul para a Universidade Federal de Santa Catarina, criou-se a inverdade de que a instituição deixaria a região. Sobre isso, o diretor do campus Tubarão, Rafael Ávila Faraco, discorre que “talvez houvesse dúvidas por parte da comunidade, da parte da universidade a presença em Araranguá é de vital importância. A Unisul nunca pensou em sair da região do vale, pelo contrário, sempre houve a proposta de fortalecer”, reforça Rafael. O gerente da unidade de Araranguá, Arnildo Steckert Júnior, afirma que a Unisul foi, em parte, corresponsável pelo desenvolvimento de Araranguá e reforça que parte das lideranças da região foram formadas na universidade, mais de 6 mil profissionais. “A Unisul sempre esteve viva na cidade e através dela se buscará o que realmente é preciso para a região, para desenvolver a cidade e redundar em muitos benefícios para a comunidade”, afirma Arnildo.

 

Veja a galeria de fotos

Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial