Folhablu | Bioeduca auxilia ensino de ciências nas escolas


Bioeduca auxilia ensino de ciências nas escolas

Publicado em: 2017-10-06 16:03:18

Um projeto de extensão da Universidade Regional de Blumenau (Furb) está movimentando seis séries de duas escolas públicas de Blumenau, em 2017, e despertando nelas a curiosidade sobre a ciência.

 

Esse projeto é o Bioeduca, realizado pelo curso de Ciências Biológicas da Furb. “Isso já vinha sendo desenvolvido pelo programa de educação tutorial (Grupo Pet Biologia), mas tratando somente uma das séries. Quando surgiu o edital de extensão em 2017, nós resolvemos ampliar o estudo para mais duas séries, criando o Bioeduca”, destaca a professora Simone Wagner, coordenadora da ação.

 

O projeto está presente nas séries de sétimo, oitavo e nono anos na EBM Machado de Assis e na EBM Zulma Souza da Silva, alcançando 217 alunos. Somente no primeiro semestre deste ano foram 477 participações do projeto e até o fim do ano esse número deve atingir 1.200.

 

O trabalho é realizado em parceria com os professores de ciências dessas turmas. Eles aplicam a parte teórica da disciplina e o projeto da Furb entra com as aulas práticas. “A intenção é despertar o interesse dos alunos por todas as áreas da ciência: seja biologia, química ou física, utilizando aulas em laboratórios e outras atividades práticas”, explica Simone.

 

A professora também destaca que além de ajudar os alunos da rede pública de Blumenau no ensino da ciência, esse trabalho também é muito válido para os alunos dos cursos de Ciências Biológicas da universidade. “A intenção foi envolver todo o curso porque quando você vai explicar algum fenômeno ou fazer educação ambiental - que também faz parte dessa formação acadêmica, você precisa fazer essa informação chegar a qualquer público, e essa experiência em sala de aula é fundamental para os estudantes aprenderem como atingir esse objetivo”.

 

A forma de avaliação do projeto é realizada com três fatores: como os alunos se envolvem e quanto eles aprendem no processo; o quanto os professores da rede pública usufruem das aulas teóricas e quanto os aplicadores das atividades conseguem envolver os alunos e despertar o interesse deles pela ciência. Também é realizado um formulário de avaliação com os professores.

 

Mas este projeto também tem um "produto final". Está sendo construída, junto a cada série que faz parte do programa, uma espécie de apostila para o ensino de ciências específica para cada série estudada.

 

Até o fim deste ano ela estará concluída e o objetivo é que em 2018 a apostila seja distribuída em todas as escolas da rede pública de Blumenau e que a aplicação dela seja realizada pelos professores desses colégios com o acompanhamento da equipe do Bioeduca.

 

Além da coordenação da professora Simone Wagner, o projeto tem a participação de 13 alunos de Ciências Biológicas, tanto de licenciatura quanto bacharelado: uma bolsista do projeto Bioeduca e mais 12 participantes do Grupo Pet Biologia.

 

Veja a galeria de fotos

Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial