Folhablu | Infantojuvenil do Brasil vence Itália no primeiro jogo do Desafio Internacional


Infantojuvenil do Brasil vence Itália no primeiro jogo do Desafio Internacional

Publicado em: 2012-08-24 22:58:02

A seleção brasileira infantojuvenil masculina, comandada pelo técnico Percy Oncken, venceu a Itália no primeiro jogo do Desafio Internacional, realizado nesta sexta-feira, dia 24, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. Os futuros craques do Brasil fizeram 3 sets a 1, parciais de 25/18, 23/25, 25/19 e 25/18. Neste sábado, dia 25, as seleções voltam a se enfrentar no mesmo local, às 19 horas, com entrada gratuita.

O técnico Percy Oncken ficou satisfeito com a apresentação da sua jovem equipe. Vale lembrar que, no início deste mês, a seleção brasileira fez cinco jogos amistosos contra o time italiano, só que na Itália, vencendo quatro e perdendo apenas um.

"O time tem que buscar o equilíbrio dentro do jogo. Fizemos uma boa partida, mas temos que diminuir os nossos erros amanhã. Na idade deles, é normal oscilar, mas o meu objetivo é lapidá-los para que subam de produção cada vez mais", comentou o treinador.

O ponteiro brasileiro Douglas Souza foi o maior pontuador da partida, com 24 pontos. Outro destaque da equipe foi o oposto Leonardo, que anotou 19.

"É muito gratificante ajudar a equipe deste jeito. Ainda mais em casa, com o apoio dessa torcida maravilhosa, que compareceu em bom número. Amanhã, o time deles virá com tudo pra cima, mas nós vamos fazer o nosso melhor para vencer de novo", disse Douglas Souza.

O técnico italiano, Andrea Tomasini, não gostou do desempenho da sua equipe. Visivelmente chateado, admitiu que seus comandados precisam melhorar em alguns fundamentos para o jogo deste sábado.

"Do jeito que atuamos hoje, ajudamos mais o Brasil do que a nós mesmos. Temos que recepcionar e atacar melhor se quisermos empatar esse desafio amanhã", declarou um cabisbaixo Tomasini.

O primeiro set começou com ponto da Itália, em um rali com quatro trocas de bola. O Brasil empatou e virou o jogo para 5 a 3. O set seguiu equilibrado até o primeiro tempo técnico, com o Brasil na frente: 8 a 7. Os brasileiros voltaram da parada com gás total e aumentaram a diferença no placar, obrigando o técnico Andrea Tomasini a parar o jogo, em 13 a 9. O Brasil manteve a diferença de quatro pontos até o segundo tempo técnico, com 16 a 12. O bloqueio brasileiro funcionou muito bem e marcou dois pontos seguidos. O técnico italiano, novamente, pediu tempo. Com uma boa sequência de saque do levantador Fernando e um bom ataque do central Nicolas, o Brasil fechou a parcial em 25 a 18.

A Itália voltou com força total para o segundo set e abriu 3 a 0, obrigando o técnico Percy Oncken a pedir tempo. A parada foi boa para o Brasil, que empatou o jogo. Foi a vez de Andrea Tomasini conversar com seus jogadores. Os jovens talentos brasileiros foram para o primeiro tempo técnico com vantagem de dois pontos no placar. O Brasil seguiu na frente até o segundo tempo técnico, em 16 a 15. Depois da parada, os italianos viraram o jogo e abriram dois pontos de vantagem, em 19 a 17, obrigando Percy a parar o jogo. A seleção brasileira voltou mais atenta, igualando a parcial. Mas, com dois erros de ataque do Brasil, a Itália fechou o set em 25 a 23.

O primeiro ponto do terceiro set foi da Itália. Com três saques muito bons, o time italiano fez 4 a 0. Percy Oncken pediu tempo. Assim como no set anterior, o Brasil voltou com tudo da parada e empatou em 4 a 4, com dois aces do levantador Fernando. E foi a vez de o técnico Andrea Tomasini parar o jogo. A Itália foi para o primeiro tempo técnico com vantagem de dois pontos. O conjunto brasileiro voltou a funcionar e o time do técnico Percy foi para o segundo tempo técnico com 16 a 13. Com ótima atuação do oposto Leonardo, a vantagem brasileira só aumentou e o set foi verde e amarelo. Placar de 25 a 19.

A excelente atuação do final da parcial anterior animou os brasileiros, que abriram 3 a 0 no início do quarto set. A Itália equilibrou o duelo, mas o Brasil foi para o primeiro tempo técnico com a vantagem mínima no placar. O jogo continuou muito disputado. O Brasil variou bem as jogadas de ataque e foi para o segundo tempo técnico com 16 a 14. Com boa atuação dos centrais Nicolas e Douglas Souza, o Brasil fechou o set, e o jogo, em 25 a 18.

Foto: Gilvan de Souza


Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial