Folhablu | Treinador da seleção masculina de handebol exalta nova geração


Treinador da seleção masculina de handebol exalta nova geração

Publicado em: 2015-04-04 17:46:24

Coordenador nacional de seleções masculinas de handebol e técnico da equipe adulta, o espanhol Jordi Ribera vê com bons olhos a nova geração de atletas brasileiros. O treinador foi a Foz do Iguaçu (PR), na última semana, para acompanhar o Pan-Americano Júnior Masculino e gostou do que viu durante a competição. O Brasil foi o grande destaque do campeonato e ficou com o título após vencer a Argentina, por 34 a 23, no sábado, dia 28.

 

"São jogadores que estão juntos desde 2013 na categoria juvenil. É um grupo muito alto e que fez boa partida contra a Argentina na decisão do Pan, jogando sério durante os 60 minutos. Fico contente com a evolução que tivemos. Agora temos que trabalhar para o Mundial Júnior no Brasil (em julho, em Minas Gerais). O objetivo é melhorar o sexto lugar da nossa última participação no campeonato", afirmou Jordi, que entende que os meninos ainda precisam ser lapidados para alcançar um nível de atuação melhor. "Eles ainda precisam trabalhar, mas têm um futuro esportivo considerável. Espero que possamos ajudá-los a evoluir. Pelo que mostraram em quadra são nomes que podem vestir a camisa da seleção adulta", acrescentou.

 

Sobre uma possível renovação da equipe principal, o treinador falou que a troca de atletas vem sendo feita desde o Mundial da Espanha, em 2013. "A renovação já existe. No Mundial de 2013 já trocamos alguns deles e demos sequência agora no de 2015. É um processo contínuo. Na seleção sempre haverá jogadores com todas as idades, dos mais jovens aos mais velhos", disse.

 

Do grupo campeão do Pan-Americano Júnior de Foz do Iguaçu, o ponta-esquerda Cléber Andrade é o nome mais frequente da lista de Jordi Ribera na equipe principal. Ele, inclusive, foi ao Mundial Adulto do Qatar, em janeiro. Além disso, os atletas Rogério Ferreira, Leonardo Santos, Rodrigo Joench, Felipe Santaela, Acácio Moreira e Rudolph Hackbarth são alguns dos que já participaram de amistosos ou fases de treinamentos. "São meninos que já compartilham experiência com os adultos, o que é muito importante para a carreira deles", finalizou o técnico do Brasil.

 


Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial