Folhablu | Hospital Santa Isabel utiliza alta tecnologia para tratamento das perdas de audição


Hospital Santa Isabel utiliza alta tecnologia para tratamento das perdas de audição

Publicado em: 2017-01-15 11:07:24

Participar ativamente de uma conversa, cantar sempre que passa a sua música preferida ou ser acordado pelo som dos pássaros na árvore próxima à sua janela. Isso acontece com você, mas você nem percebe. Já imaginou nascer sem audição ou desenvolver uma doença que deixasse você sem ouvir estes pequenos detalhes da vida? Se de uma hora para outra o som diminuísse drasticamente ao ponto de você não ouvir mais claramente? Pois é. Essa é a realidade de inúmeras pessoas que sofrem com a perda de audição. O médico otorrinolaringologista Tobias Torres, com especialização em otologia pelo Hospital de Clínicas de Porto Alegre, trouxe para o Hospital Santa Isabel, com o apoio do chefe do Serviço de Otorrinolaringologia do HSI, Marcos Antônio Nemetz, a tecnologia necessária para devolver “o som” a essas pessoas: os implantes auditivos.

 

A primeira cirurgia de implante auditivo aconteceu no dia 20 de outubro de 2015, no centro cirúrgico do HSI, comandada pelo doutor Tobias Torres e contou com uma equipe multiprofissional. O procedimento foi supervisionado pela médica otorrinolaringologista doutora Leticia Rosito, do Hospital de Clínicas de Porto Alegre da Universidade Federal de Rio Grande do Sul.

 

Realizou-se a cirurgia do implante auditivo de ancoragem óssea, que está indicado para pacientes com perda de audição por defeitos anatômicos no ouvido que comprometem a condução do som do ambiente externo para o ouvido interno (por exemplo, malformações do ouvido, sequelas de infecções crônicas, alterações pós-cirúrgicas do ouvido, otites externas recorrentes). Fixado ao osso temporal, sob ou através da pele, o implante, ao receber os sons externos, provoca vibração óssea e, assim, consegue transmitir o estímulo sonoro diretamente ao ouvido interno. A paciente de 34 anos que passou pelo procedimento possuía histórico de cirurgias para controle de infecção nos dois ouvidos. Apresentava perda de audição severa nos ouvidos, mas, com a vibração óssea gerada pelo implante, terá respostas auditivas muito próximas da normalidade.

 

O doutor Tobias explica detalhes sobre o caso da paciente: “A paciente procurou-me, inicialmente, por um quadro de infecção crônica no ouvido com perda de audição. Controlada, por meio cirúrgico, a infecção existente no ouvido, seguiu-se a indicação do implante auditivo de ancoragem óssea para correção da perda auditiva. O implante foi fixado ao osso do crânio na região posterior do ouvido e, após 45 dias, foi ativado para, por meio de vibração óssea, transmitir o som.

 

Dando continuidade à aplicação das novas tecnologias a favor de pacientes com surdez, foi realizada no dia 13 a primeira cirurgia de implante coclear do HSI.

 

O implante coclear, popularmente conhecido como ouvido biônico, é indicado a pacientes que possuem perda auditiva severa a profunda sem resposta com o uso de aparelhos de audição convencionais. Equipamento eletrônico de alta tecnologia, cirurgicamente implantável, substitui a função da cóclea, órgão auditivo do ouvido interno, despertando sensações auditivas por estimulação elétrica direta do nervo auditivo. Atualmente, estima-se que existam apenas cerca de 100 mil pacientes com implante coclear em todo o mundo.

 

A paciente que se submeteu ao procedimento tem 20 anos de idade e perda auditiva severa nos dois ouvidos desde o nascimento. A partir do diagnóstico, aos 2 anos de idade, passou a utilizar aparelhos auditivos com boa resposta. Assim, desenvolveu fala e linguagem adequadamente. Porém, nos últimos anos houve piora acentuada da perda de audição, ao ponto da paciente não mais conseguir ouvir, mesmo com uso dos aparelhos auditivos nos dois ouvidos.

 

O Hospital Santa Isabel está dando os primeiros passos buscando tornar-se um centro de referência em cirurgias do ouvido e da audição em nossa região. A realização desses procedimentos em nossa cidade evitará que futuros pacientes necessitem buscar em outras cidades ou estados esse tipo de tratamento. Atualmente, estes procedimentos, no Hospital Santa Isabel, são realizados com cobertura pelos planos de saúde.

 

Veja a galeria de fotos

Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial