Folhablu | Hiperidrose: especialista fala sobre formas para amenizar o suor excessivo


Hiperidrose: especialista fala sobre formas para amenizar o suor excessivo

Publicado em: 2019-01-09 21:57:25

De acordo com a Organização Mundial da Saúde - OMS, milhões de pessoas sofrem com a Hiperidrose - doença conhecida por causar suor excessivo nas mãos, rosto, couro cabeludo, pescoço, axilas e pés. Atualmente, três em cada 100 pessoas no mundo apresentam a doença. No Brasil, são mais de seis milhões de pessoas que sofrem com a Hiperidrose. O cirurgião torácico cooperado à Unimed Blumenau, Romero Fenili, explica sobre a doença e dá dicas de como amenizar os sintomas.

 

O que é Hiperidrose? A Hiperidrose é uma condição clínica em que a pessoa sua excessivamente. Pessoas que sofrem com a doença podem suar mesmo quando a temperatura está baixa ou quando estão descansando. “Pode até parecer uma doença simples, mas ela pode trazer sérios danos à qualidade de vida do paciente”, destaca Fenili.

 

Existe cura ou tratamento para doença? O tratamento preferencial para a Hiperidrose é cirúrgico e cura o paciente na maioria dos casos. Nos casos mais leves da doença axilar exclusivamente, podem ser indicados o uso tópico de cremes ou a aplicação de toxina botulínica. Já quadros mais graves, ou a Hiperidrose nas mãos e pés, exigem a intervenção cirúrgica. A cirurgia implica na secção da cadeia nervosa simpática, cirurgia conhecida como Simpatectomia.

 

Quais as dicas para as pessoas que sofrem com a doença? A Hiperidrose costuma ser um problema que afeta principalmente os aspectos psicológicos e sociais do paciente, assim como em muitos casos as atividades laborais. Existem algumas medidas que podem ajudar a melhorar a qualidade de vida da pessoa que sofre da doença, como: levar mudas de roupas extras, usar roupas de tecidos específicos (algodão, seda, linho), alternar pares de sapatos, trocar com frequência os pares de meias e deixar os pés arejados.

 

Como funciona a cirurgia para o tratamento da Hiperidrose? Simpatectomia é um procedimento cirúrgico que corta o nervo simpático que é responsável por estimular o suor. Essa cirurgia é na região do tórax, e tem como objetivo eliminar o suor em excesso da face, pescoço, mãos, axilas e pés.  “Apesar de ser uma cirurgia, é extremamente segura e com resultados definitivos para o paciente, e pode ser feita a partir dos 9 anos de idade”, destaca o especialista.

 

Como funciona a aplicação de toxina botulínica para o tratamento da Hiperidrose? “A aplicação de toxina botulínica, conhecida como botox, é indicada somente para a Hiperidrose axilar, e mesmo nessa situação há de se considerar que ele não é um tratamento definitivo, pois seu efeito dura de 4 a 6 meses”, explica.

 

“O suor é necessário para o corpo humano, mas quando em excesso, pode se tornar um constrangimento e até mesmo um problema para o trabalho da pessoa. Infelizmente, é comum que suar demais gere constrangimentos, problemas laborais e que afete a autoestima do paciente, fazendo com que a pessoa com Hiperidrose pare de praticar determinadas atividades que antes eram prazerosas. Mas vale ressaltar que a doença pode ser curada e controlada com a realização de cirurgia”, conclui o cirurgião torácico cooperado à Unimed, Romero Fenili.

 

 


Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 99210 7635
Redação Brasil: webmaster@folhablu.com.br | Redação Santa Catarina: blumenau@folhablu.com.br | Comercial: comercial@folhablu.com.br | Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: folhablu | WhatsApp: (47) 99210 7635
Blumenau - SC
Todos os direitos reservados