Folhablu | Aterosclerose


Aterosclerose

Publicado em: 2009-03-05 11:20:19

Existem vários contos e livros que mostram como o verdadeiro poder não se encontra no trono, mas por trás dele. Desde poderosos imperadores até generais, presidentes e pensadores importantes na história da humanidade, todos sofreram influências de pessoas que terminaram não aparecendo nos livros, mas foram fundamentais para que aquela determinada conquista se tornasse possível.

No caso das notícias de celebridades fulminadas por ataques cardíacos ou derrames, a verdadeira manchete encontra-se escondida por trás dos holofotes e atende pelo nome de aterosclerose. Apesar de avessa à mídia, a aterosclerose segue como a causa número 1 de morte em todo mundo. Para compreender do que se trata, é preciso entender como funciona o fluxo sanguíneo dentro das suas artérias.

As artérias são os vasos que levam o sangue do coração para todas as partes do seu corpo. Elas são revestidas por uma fina camada de células, chamada endotélio. A pressão alta, o cigarro ou os altos níveis de colesterol podem danificar o endotélio, desencadeando um processo que leva à formação de placas de colesterol. Estas placas endurecidas (chamadas placas ateromatosas) impedem o fluxo sanguíneo adequado. Nos estágios mais avançados, as placas ateromatosas podem obstruir completamente o fluxo em uma determinada artéria.

Os sintomas da aterosclerose variam de acordo com o local de acúmulo e desenvolvimento das placas ateromatosas. Por exemplo, nas artérias coronárias, a aterosclerose pode se manifestar com dores no peito (angina) e diminuição da tolerância aos exercícios (cansaço fácil). Na circulação cerebral, as manifestações incluem problemas de raciocínio e de memória, dormências, fraquezas musculares localizadas e até mesmo derrame. Nas pernas, podem ser observados dores nos músculos da panturrilha, cicatrização difícil, diminuição dos pulsos e alteração na coloração do local afetado.

A aterosclerose é sorrateira e quando estes sintomas chegam a ocorrer, significa que a doença pode já se encontrar em estágios avançados.

Se você deu um suspiro de alívio porque não vem apresentando qualquer destes sintomas, pegue o suspiro de volta: metade das pessoas sem problemas cardíacos apresenta algum grau de aterosclerose, e o porcentual de pessoas assintomáticas afetadas sobe para 85% na faixa acima dos 50 anos de idade. Conclusão: nunca é cedo ou tarde demais para mudar seus hábitos de vida e começar a prevenir a aterosclerose!

O primeiro passo deve começar pela boca: seu corpo não merece ser tratado como uma caixa de gordura. Siga uma dieta saudável baseada em frutas e verduras, e pobre em produtos industrializados e açúcar.

Alimentos ricos em substâncias chamadas bioflavonóides exercem um bom efeito protetor contra a aterosclerose. As principais fontes de bioflavonóides incluem abricó, frutas cítricas, cebola, legumes, chá verde e vinho tinto. Fontes de vitamina C e E (por exemplo, acerola, alface, couve, espinafre, etc) também produzem benefícios, retardando o desenvolvimento das placas ateroscleróticas.

Os níveis sanguíneos elevados de colesterol estão diretamente associados à aterosclerose, mas podem ser reduzidos aumentando-se o consumo de alcachofra, alho, aveia, cebola, linhaça e soja.

Pratique uma atividade física regularmente. A meta deve ser exercitar-se por 40 minutos a 1 hora, quatro ou mais vezes por semana. Mantenha-se dentro da faixa de peso considerada ideal para sua altura. Consuma bebidas alcoólicas com moderação. Isso significa 1 drinque por dia para mulheres e no máximo 2 drinques por dia para homens. Não fume e evite ser um fumante passivo. Faça consultas periódicas, dosando os níveis sanguíneos de colesterol pelo menos uma vez ao ano e meça sua pressão arterial regularmente. Veja com seu médico se você pode tomar uma aspirina diariamente. Leve a vida com mais humor e aprenda a controlar melhor o estresse. Por exemplo, se o excesso de trabalho está tirando sua paz de espírito, fique sabendo que quem trabalha muito, erra muito. Quem trabalha pouco, erra pouco. Quem não trabalha, não erra. E quem não erra é promovido. Pense nisso.

Por Alessandro Loiola

Médico

Fale conosco

MSN: msn@folhablu.com.br

Skype: skype@folhablu.com.br


Fale com a Folhablu

Fones: (47) 3232 7154 | 9138 4105
Redação: webmaster@folhablu.com.br
Comercial: comercial@folhablu.com.br
Financeiro: financeiro@folhablu.com.br
Skype: skype@folhablu.com.br

Blumenau – SC
Folhablu notícias e publicidade digital - Todos os direitos reservados
Proibida a reprodução total ou parcial